• Cleise Souza

Você tem utilizado mais a linguagem de pai, adulto ou criança na sua vida?

Atualizado: Jul 27




Estudando a obra do Dr. Thomás A. Harris, “Eu estou 0k, você está 0k”, verifiquei a importância da comunicação entre as pessoas em qualquer ambiente em que elas se encontram.


A Análise Transacional é utilizada desde os anos 1980 com grande êxito em tratamento de grupos no Estado da Califórnia nos EUA.


É uma experiência profundamente compensadora ver pessoas modificando-se ao conhecer dessa técnica. Se o relacionamento entre duas pessoas pode se transformar em algo criativo e satisfatório, segue-se que a mesma coisa pode dar certo para duas, três ou uma centena de relacionamentos.


Os problemas do mundo - e eles são relatados diariamente em manchetes sobre violência e desespero - são essencialmente os problemas dos indivíduos que, mudando, mudarão o universo. A unidade das relações sociais é chamada de transação. Se duas ou mais pessoas se encontram, mais cedo ou mais tarde uma delas irá falar, ou dar qualquer indicação de ter-se inteirado da presença das outras. Isso é chamado de resposta transacional.


A Análise Transacional é o método de examinar essa transação em que “eu faço alguma coisa a você e você me faz alguma coisa em resposta”, e determinar qual é a parte da múltipla natureza do indivíduo que está “no comando” da comunicação. Quando se observa e quando se ouve outras pessoas, pode-se vê-las modificando-se diante dos nossos olhos. A observação contínua tem comprovado a ideia de que há três estados em todas as pessoas: PAI, ADULTO E CRIANÇA.


Para melhor compreensão, definiremos:

PAI - É uma imensa coleção de registros feitos no cérebro de eventos externos não questionados ou impostos, percebidos por uma pessoa em seus primeiros anos, num período designado, grosso modo, como os primeiros cinco anos de vida.


ADULTO - Os dados do Adulto se acumulam como um resultado da capacidade de a “criança” descobrir por si só aquilo que é diferente do “conceito ensinado” de vida no seu Pai e do “conceito sentido” de vida na sua criança. O Adulto desenvolve um “conceito pensado” de vida baseado em dados acumulados e processados.


CRIANÇA - É o registro dos acontecimentos internos, as reações da pequena pessoa ao que ela vê e ouve. Assim, quando uma pessoa está dominada por sentimentos, dizemos que a “criança” assumiu o comando. Quando a raiva que ela sente domina seu raciocínio, dizemos que a criança está dominando.


Qual a linguagem que você mais utiliza no seu cotidiano? Pai, Adulto ou Criança?

Instituto de Comunicação

+55 (31) 98899-2558

CNPJ 03002906000133

Rua do Ouro, 104- sala 202- Serra

Belo Horizonte-MG-30240130

Prazo de entrega:3 dias uteis

  • Preto Ícone Instagram
  • Preto Ícone Facebook
  • Preto Ícone LinkedIn
  • YouTube ícone social
  • SoundCloud ícone social
  • Twitter